Seguidores

quarta-feira, 24 de junho de 2015

PANELA DE PEDRA-SABÃO

                                          PANELA DE PEDRA-SABÃO

As panelas de pedra-sabão são uma das mais antigas da história da culinária e têm a vantagem de durarem por muitos e muitos anos. Não possuem cheiro, não alteram o sabor dos alimentos e os mantêm quentes por longo tempo. Não são atacadas por ácidos e são bonitas.

A natureza anti-aderente e a capacidade de reter calor por muito tempo são as características mais atrativas. Mas as qualidades não param por aí. Qualquer prato pode ser preparado na panela de pedra: arroz, feijão, angu, carne de qualquer espécie, legumes, verduras. Entretanto, ganham sabor especial pratos de preparo mais demorado: feijoada, frango com quiabo, carne-de-panela, por exemplo.

Esse utensílio libera quantidades expressivas de elementos nutricionalmente importantes como cálcio, magnésio, ferro e manganês. A panela é comprada ''crua'', por isso a cor dela é clara. Entretanto, antes de ser utilizada, é necessário que ela seja preparada ou curada. Com este preparo ela pode ser usada na elaboração de suas receitas sem perigo de quebrar e suporta até 1.000°C. Esta técnica evita que o níquel (um mineral bastante tóxico) passe para a comida. Veja abaixo como proceder.

Preparando a panela de pedra-sabão
Unte a panela com azeite de oliva ou qualquer outra gordura de sua preferência (óleo, banha) tanto na parte interna como na externa;

Cubra o fundo a panela com fubá mimoso.

Cada vez que usar o forno, depois de desligado, coloque a panela untada e com o fubá no fundo dentro do forno quente. Repita a operação, pelo menos, umas 10 vezes.

Depois de curada no forno, é preciso, ainda, "acostumar" a panela à chama do fogo. Para isso, coloque água até a metade da panela e leve-a ou fogo, deixando ferver a água por aproximadamente meia hora.

Para garantir que sua panela de pedra tenha, realmente, a durabilidade possível, é conveniente que os primeiros alimentos nela preparados seja bem líquidos, como sopa, o refogado do feijão, etc...

Esse método acima descrito é o mais tradicional, centenariamente usado nas Minas Gerais. Mas, o mundo mudou e as pessoas têm pressa. Assim, se preferir, pode usar a forma mais "moderna" citada abaixo:

Em seguida encha a panela de água e leve ao forno médio (180°C) por 2 horas ou se preferir leve ao fogo e deixe a água ferver por 30 a 40 minutos. Retire do fogo;

Deixe a água e a panela esfriarem e repita a operação mais uma vez.
Dicas:
Só lave a panela de pedra-sabão com água e sabão. Nada de produtos abrasivos nem esponja de aço.

Nos primeiros dias de uso, evite choque térmico forte. Não aqueça a peça a seco para depois despejar líquidos frios. Isso pode danificar definitivamente a panela.

Nas primeiras vezes que for usar a panela não faça frituras.


Nunca coloque uma panela quente de pedra quente em uma superfície gelada, pois ela pode rachar. Acredite nisso, pois elas racham mesmo.


Postar um comentário